Casamento – Praia

     Esse post vai especialmente para uma amiga, e para tantas outras pessoas que vão se casar nos próximos meses ou até no próximo ano! ou ainda as que sonham com esse grande dia (vale a inspiração)!!

     Muitas noivas não abrem mão do tradicional como “manda o figurino”, véu, grinalda e igreja. Já outras gostam de uma coisa mais informal, como os casamentos, em museus, parques, restaurantes, praia, balada, entre tantos outros lugares curiosos e inusitados que vai de acordo com a personalidade do casal.

     Nesse post vou falar sobre o casamento na praia, um local que muitas mulheres sonham em se casar e que nunca sai de moda, pelo menos por aqui…

Slide1

     Casar na praia é um dos lugares mais românticos e legais , o mar, a brisa, o pôr-do-sol tudo isso faz com que esse cenário seja um dos mais românticos para um dia tão especial =)     

> VANTAGENS

     Mais barato do que os casamentos tradicionais, não vai ser preciso investir em espaço de festa, aluguel de igreja, até porque a maioria das praias são livres de taxas, os vestidos são mais curtos e mais simples, os convidados podem usar roupas mais a vontade e a iluminação natural que deixa qualquer foto perfeita 😉

> DESVANTAGENS

     A única desvantagem é que não pode ser realizado em qualquer época do ano, tem que ser em um período bem específico de preferência sempre no verão e no fim da tarde quando o clima fica menos quente, mesmo que no planejamento estejam incluídos toldos e tendas é bom lembrar que é um local aberto, onde o vento rola solto e fica bem mais forte que o normal, podendo molhar os convidados e apagar um pouco o brilho da festa, uma dica bastante útil é consultar os serviços de climatologia, e procurar saber também como se comportam as águas quando em maré cheia, algumas praias ficam tomadas pela água, impossibilitando uma cerimônia. 

     Analisado as vantagens e desvantagens, é preciso pensar sobre a distância da cidade do casamento e a cidade de onde virão os convidados, a infraestrutura e a qualidade dos serviços devem ser considerados, visitar alguns hotéis da cidade para “ver com os próprios olhos” as instalações e saber dos preços para hospedagem dos convidados também, ver se consegue desconto de estadia para grupos grandes, também pode ser uma boa idéia (vale a dica).

     Após todos esses procedimentos, agora é só cuidar dos detalhes, o que, vai variar de noiva para noiva, é bom deixar claro que o que está escrito nesse post é uma sugestão para inspirar outras tantas idéias que possam surgir com o decorrer da leitura 😉

     Basicamente existem 2 tipos de casamento na praia (algumas dicas bastante úteis)

1. Mais Despojada: “os pés na areia”

     > Cada detalhe precisa ser providenciado por conta própria.

     > Pedir autorização na prefeitura, garante com que não ocorram incidentes no dia do casamento, como fiscalização por exemplo. Saber o que pode ser instalando no local, tempo de antecedência para o pessoal organizar decoração, buffet, etc, quanto tempo os convidados podem permanecer na praia, se há restrições quanto ao som da festa, etc.

     > Alugar geradores também garante energia para o evento.

     > Necessário alugar mesas, cadeiras, toalhas, pratos, talheres, dependendo do buffet o aluguel já está incluso.

     > Se não houver possibilidade de o alimento ser preparado na hora, se faz necessário levar para a praia pronto (implicação: cardápio mais simples). Sugestão: aproveitar a estrutura de um possível quiosque instalado no local.

     > Uma cobertura para o caso de chuvas, e banheiros químicos, ideal que o local da cerimônia tenha uma estrutura com piso de madeira, cadeiras largas e/ou puffs são mais confortáveis!

     > Toda a estrutura é ideal que seja montada a uma distância segura do mar, para evitar que parte da decoração se molhe ou seja arrastada pela água.

     > Escolher um local de preferência de bom acesso para os convidados, se tem local disponível para estacionamento dos carros, se é seguro…

     > Serviços de segurança é indispensável.

     > A limpeza do local no final da festa fica por conta dos organizadores, ou seja, se faz necessário contratar pessoas para limpar o local.

2. Mais sofisticação em meio a descontração: Hotel à beira mar

     > Para casais que não querem se preocupar com todos os detalhes da realização de um casamento podem optar pela opção de casar em hotéis à beira mar, de certa forma acaba compensando o valor cobrado, até porque gastos com geradores, seguranças, aluguel de coberturas,  e outros tantos inúmeros detalhes fica por conta do próprio hotel. A taxa seria o custo de cada serviço  contratado separadamente.

    > Nem todos os hotéis oferecem esses serviços, vale a pena se informar quanto a isso. Por outro lado, existem hotéis que não só têm esses serviços como também disponibilizam uma lista de profissionais locais (que trabalham em parceria) para indicar.

    > Além das facilidades que os noivos encontrariam em um salão de festas sofisticado, há também a possibilidade de descontos na hospedagem dos convidados, o que faz com que seja agradável a estadia e com facilitação de acesso dos convidados ao casamento.

     > Não esquecer de ter em mãos um contrato detalhado falando sobre tudo que está incluído no valor cobrado.

Slide2

     Agora, aqueles detalhes que não podem de jeito nenhum faltar… a decoração, as lembrancinhas, as comidas e bebidas, os convites, dicas do que vestir, são muitos detalhes!!! é… organizar um casamento não é tarefa fácil!! hehe 

Começando pela decoração:

     > Mesmo com a ausência da areia, a cerimônia pode ser realizada substituindo o tapete vermelho por um caminho de pétalas ou uma esteira de fibras naturais, nas mesas jogos americanos também de fibras naturais saem do tradicional e remetem ao tema praia.

     > Velas e tochas são uma boa pedida para cerimônias no final da tarde / início da noite, dão um charme na iluminação.

     > Se for fazer seu casamento durante a noite, coberturas transparentes são super legais, os convidados vão ter uma visão privilegiada do céu estrelado ou de uma lua cheia por exemplo. Se o hotel não tiver, pode alugar!

Slide3

Comes e bebes:

     > Água de coco pode ser servido como aperitivo antes das bebidas alcoólicas

     > Drinks coloridos e sucos naturais, tudo a ver com a atmosfera da praia, a contratação de um barman é uma excelente pedida!

     > Basicamente a comida servida são os peixes e  frutos do mar, mas sempre tem alguém que é alérgico ou vegetariano, então é sempre bom ter uma opção diferente no cardápio para quem não gosta ou não pode comer.

     > Bolo e doces de acordo com o tema praia além de fazer sucesso fica muito charmoso.

Lembrancinhas e mimos:

     > Se existe um lugar onde as havaianas personalizadas são mais que bem vindas é aqui!!! então sem sombra de dúvidas já pode ir providenciando! hehehe

     > Se houver crianças no casamento é legal a contratação de recreadores, assim as crianças ficam ocupadas e seus parentes e amigos podem curtir a festa.

     > Uma lembrancinha e mimo ao mesmo tempo bastante legal, é a manta para proteção do vento frio, caso o casamento seja realizado a noite e ao ar livre, para as convidadas, nesse caso a manta se retirada da caixa e envolta em um laço de fita de cetim por exemplo dá uma lembrancinha bem legal e útil, além de poder fazer parte da decoração do casamento.

Slide4

Convites:

     > Convites e placards inspirados nas ilhas de Bora-Bora, República Dominicana, Tahiti, Bahamas, etc…

     > Inspirados em motivos de praia e verão, estrela-do-mar, sol, ilhas, peixes, mergulho, etc…

Slide5

     Claro que não podia faltar o figurino dos atores principais, madrinhas e padrinhos e os figurantes!!! kkkkkkkkkk, brincadeiras a parte, mas lógico que não podia deixar de comentar sobre o que vestir, “bora nessa”?!! 😉 

    Apesar de fugir do tradicional, o evento ainda assim pede um traje adequado quando nos referimos aos convidados, uma dica é na confecção dos convites incluir o tipo do traje a ser usado. Não é preciso que as roupas sejam tãããão formais, o legal é sugerir trajes que combinem com o tipo do evento, com motivos florais, e tons mais leves, um esporte chique ou até mesmo um traje social pode ser a pedida.

    Seguindo a lógica do post… vou falar da versão dos “pés na areia”

     > Convidadas: vestidos na altura do joelho ou longos, saltos não são ideais para a areia!!!!

     > Convidados: calça cáqui, com camisa mais casual.

     > Sandálias rasteirinhas com detalhes mais sofisticados fica charmoso!

     > Caso haja uma plataforma no local, ao invés da areia, o salto é de bom tom, desde que não sejam muito alto e nem muito fino

     > Maquiagem e acessórios devem ser discretos, leves e sem muito brilho. Invista em cores vivas com tons aproximados e que casem com o visual.

     > Penteados semi presos ou preso total além de ficar elegante, combina com o cenário praia.

     > As bolsas pode ser de tecido, couro ou metalizadas, tem que ser pequenas, bolsinhas chiques feitas de  materiais naturais, tipo palha, bambus e madeiras, evitar sementes, búzios e qualquer coisa parecida,  fica informal demais.

>>>> NOIVA: Os tecidos pesados e com volume estão fora de cogitação, já os tecidos leves e fluidos em modelos que facilitem os movimentos são os ideais. Modelos curtos ou na altura do tornozelo, dispense o véu e enfeite os cabelos com flores naturais ou de tecidos.

>>>> NOIVO: Calça branca e bata, ou calça branca e camisa branca de mangas curtas e sandálias, ou ainda descalços.

Slide6

 Versão casamento em hotel à beira mar

     > Convidadas: Traje social normal para casamentos que seriam realizados na cidade, por exemplo

     > Convidados: Terno escuro para cerimônias realizadas a noite dentro do hotel e terno claro para as cerimônias realizadas também dentro do hotel, porém durante o dia.

     > As sandálias de salto estão liberadas qualquer altura e “finura”

     > Todos os outros detalhes como maquiagem, bolsas e penteados, ficam livres para serem usados como quiserem.

     >>>> NOIVA: Modelos longos com véu e grinalda estão liberados.

     >>>> NOIVO: Terno escuro para cerimônias realizadas a noite dentro do hotel e terno claro para as cerimônias realizadas também dentro do hotel, porém durante o dia.

Slide7

      À minha amiga linda desejo toda a felicidade do mundo!!! PARABÉNS!! e para todas que estão lendo também!!! sucesso sempre!! =) 

Anúncios

Sobre Camila Jaworowicz

Pseudo formada em engenharia ambiental, sou uma menina mulher de 28 anos que, apesar de não ter se identificado com o curso, ama o meio ambiente e faz de tudo para preservá-lo, focada na área administrativa gosta muito da área de marketing, redes sociais e afins. Deu na telha que quer ser blogueira e tentar viver disso, uma vez que se identifica bastante com moda, tendências… e como fala pelos cotovelos rsrs quer compartilhar um pouco da própria opinião a respeito do universo feminino que rege nossas vidas! Aberta a criticas e sugestões estou aqui para cada dia melhorar o blog e junto com vocês fazer ele crescer! Bem vindas e vamos ‘fapecar’ bem muito! beijos. Camila Jaworowicz.

Publicado em 23/06/2014, em Dia D - Casório, Dicas e marcado como , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

FAPECO Agradece! =)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: